SERMÃO DA CELEBRAÇÃO LITÚRGICA DE 02 DE AGOSTO DE 2020

Mais
1 mês 2 semanas atrás - 1 mês 2 semanas atrás #899 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Palavras de Abertura

Saúdo a amada igreja com a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo,
com alegria louvemos ao nome do Senhor pela oportunidade de estarmos reunidos para adora-lo.

Convido a todos para louvarmos ao Senhor com o hino As muitas bençãos.


Louvor

Se da vida as vagas procelosas são,
Se, com desalento, julgas tudo vão,
Conta as muitas bênçãos, dizeas de uma vez,
E verás, surpreso, quanto Deus já fez.

Conta as bênçãos, dizeas quantas são,
Recebidas da divina mão
Vem dizê-las, todas de uma vez,
E verás, surpreso, quanto Deus já fez!

Tens acaso mágoas, triste é teu lidar?
É a cruz pesada que tens de levar?
Conta as muitas bênçãos! Logo exultarás,
E, fortalecido, tudo vencerás!

Quando vires outros com seu ouro e bens,
Lembra que tesouros prometidos tens.
Nunca os bens da terra poderão comprar
A mansão celeste que vais habitar.

Seja o teu combate longo ou breve aqui,
Não te desanimes Deus será por ti!
Seu divino auxílio minorando o mal,
Te dará consolo e galardão final.


Pregação





Sermão do dia: A lição dos amigos de Jó


Meditemos hoje em Jó, em seu capítulo de número 42 e versículo de número 10:


"E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía."



Amada congregação,

A história narrada no livro de Jó é por demais conhecida, o homem justo e temente a Deus, cuja fé é provada mediante as mais terríveis perdas: família, bens, a saúde. Quantos de nós suportaríamos passar pelas adversidade que Jó suportou? Mas nenhum destes problemas talvez seja mais revoltante, do que a falta de compreensão e as acusações feitas por aqueles que se diziam seus amigos.

Os amigos de Jó desempenham um papel que em nada aliviou o julgo de Jó, acusando-o e questionando quanto a seus pecados e falhas, procurando alguma razão escusa que justificasse a catástrofe que se desenvolver na vida de Jó. Quantas vezes não vemos acontecer o mesmo? Pessoa caçam culpados, justificativas, razões, apontam dedos e torcem os narizes, mas aquilo que deveria ser o mais importante, o ser humano que está em meio a situação, acaba ficando em segundo plano.

Vivemos num mundo de pessoas que querem ter sempre a razão, a ultima palavra, o mérito da verdade. Entretanto, há situações em que o silêncio e o apoio são mais importante, pois julgamentos raramente trazem alguma solução, apenas tentam abarcar mais culpa e ressentimento. Deus deseja que sejamos apoio e não aguilhão para piorar ainda mais a angustia daqueles que dependem de nós.

Deus não se agradou da atitude dos amigos de Jó, e é interessante que a reviravolta na vida de Jó acontece quando seus amigos vão até ele, orientados por Deus, para lhe pedir que ore ao Altíssimo para perdoa-los. O perdão é a chave para entregarmos tudo nas mãos de Deus, Ele é o único capaz de verdadeiramente nos fazer justiça. Portanto viver remoendo palavras mal usadas em momentos de dor não é o caminho ideal, antes entregar tudo nas mãos do Altíssimo.

Deus nos convida hoje a fazer uma auto-analise, para que repensemos nosso papel na vida dos que estão a nossa volta, para que não sejamos como os amigos de Jó, que possamos oferecer conforto e apoio, não julgamentos.



Amém.

Oração

Senhor Deus, que tua Santa Palavra possa achar guarita em nossos corações e trazer transformação em nossas mentes, que possam se converter em mudança de vida. Que teu Santo Espírito possa despertar nossas consciências para que sejamos instrumentos seus para trazer conforto, não mais lamúrias, as vidas daqueles que necessitam. Perdoa-nos, por somos falhos. Em nome de Jesus, amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Last edit: 1 mês 2 semanas atrás by Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa).

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Tempo para a criação da página:0.376 segundos
Não somos membros de qualquer nação real ou movimento separatista.
Este WEB Site destina-se única e exclusivamente aos praticantes do hobbie chamado micronacionalismo.
Todos os direitos de imagem e nome reservados a nação italiana real.