SERMÃO DA CELEBRAÇÃO LITÚRGICA DE 20 DE DEZEMBRO DE 2020

Mais
1 mês 1 dia atrás - 1 mês 1 dia atrás #1085 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Palavras de Abertura

Que a Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo seja com toda esta amada congregação,
regozijemo-nos pela oportunidade de mais uma vez estar reunidos para louvar e engrandecer ao nome santo do Senhor.

Convido todos os presentes a louvarem juntamente comigo com o hino Fala do Amor de Cristo:

Louvor

Fala do amor de Cristo
Ao triste pecador
Amor por todos visto
Na cruz do Redentor
Com alegria canta
A paz que vem do céu
A tua voz levanta
Em glória a Deus

Cristo na cruz ganhou-nos
Eterna salvação
Com sangue Seu lavou-nos
O Rei da redenção!
No templo, o véu rasgado
Caminho abriu Jesus
Na cruz, inaugurado
Pro céu de luz!

Para os aflitos, canta
As bênçãos que em Deus há
Da cruz pendão levanta
Pois ânimo nos dá
Canta para os perdidos
A graça de Jesus
Seu sangue já vertido
Que flui da cruz!

Canta com esperança
Na escuridão também
Canta com confiança
Há vida no além
Canta no alvor do dia
E quando a noite vem
Em Cristo, harmonia
Com Deus se obtém!


Pregação





Sermão do dia: Cristo, o verdadeiro presente de Natal



Convido-vos a meditar comigo no evangelho segundo Lucas, capítulo 21, versículos de 1 a 4:

“E, olhando ele, viu os ricos lançarem as suas ofertas na arca do tesouro;
E viu também uma pobre viúva lançar ali duas pequenas moedas;
E disse: Em verdade vos digo que lançou mais do que todos, esta pobre viúva;
Porque todos aqueles deitaram para as ofertas de Deus do que lhes sobeja; mas esta, da sua pobreza, deitou todo o sustento que tinha."


Amada igreja de Jesus Cristo,

Presentes são uma parte regular da tradição do Natal. Reconhecemos o presente que Deus nos deu em seu Filho imitando essa ação para com os outros. É uma expressão concreta de nossa fé.

Todavia, mesmo nos dias de Jesus, o ato de dar tinha expectativas pecaminosas ligadas a ele que ainda encontramos hoje: dar esperando algo em troca, ou dar o maior presente possível sem de fato sentir os efeitos disso. Os ricos nesta história particular deram grandes presentes, mas presentes que em última análise não exigiram fé. Em contraste, Jesus observa o presente pequeno e silencioso de uma mulher pobre — uma oferta que era pequena comparada às grandes quantidades sendo dadas pelos ricos, mas imensa aos olhos de Deus.

A despeito de sua pobreza e toda lógica mundana, a mulher deu quando não tinha dinheiro de sobra. Ela deu confiando num Deus que provê e protege. Os ricos deram sabendo que tinham outras riquezas. Não é que os presentes eram ruins, mas seus presentes não refletiam uma confiança em Deus.

Durante esse período do Advento, vejamos que os nossos presentes — grandes e pequenos, e não apenas monetários — sejam dados em amor, devoção e confiança em nosso Deus que deixou de lado sua glória para nos resgatar por meio do presente da Encarnação.

Amém.



[/left]
Oração


Deus amado, diante da tua face nos prostramos. Que tua Santa Palavra possa produzir frutos em nossos corações. Ajuda-nos a ver tua mão e teu zelo para conosco mesmo em meio as adversidade. Que nas tribulações da vida vejamos motivos para louvar teu santo nome. Em nome de Jesus, amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Last edit: 1 mês 1 dia atrás by Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa).

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Tempo para a criação da página:0.299 segundos
Powered by Fórum Kunena