Devocional Semanal - Momento de Reflexão

Mais
11 meses 3 semanas atrás #321 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 23/10/2019 a 30/10/2019

“Caçarás, porventura, a presa para a leoa? Ou saciarás a fome dos leõezinhos,
quando se agacham nos covis e estão à espreita nas covas? Quem prepara aos corvos o seu alimento, quando os seus pintainhos gritam a Deus e andam vagueando, por não terem que comer?”


Jó 38.39 - 41


A providência de Deus é assunto delicado, não por faltarem evidências da ação da mesma, mas pelo ideal de auto-suficiência humana sempre preferir acreditar que por ele se conquista, mantém e se sustenta. Contudo, conforme podemos analisar neste trecho de Jó, é Deus quem sustenta todas as criaturas vivas.

O livro de Jó, um dos livros sapienciais das escrituras, ou seja, obra que contém ensinamentos de sabedoria, tal como os livros de Salmos, Provérbios e Eclesiastes, trás-nos em seu capítulo de número 38 um momento no qual Jó é interpelado por Deus por questões que demonstram a soberania do altíssimo e sua providência, dois temas que estão simbióticamente ligados.

Quando falamos de providência, intrinsecamente falamos sobre a sobre a soberania de Deus, pois se Ele tem controle e poder sobre todas as coisas, nada daquilo que acontece está fora da alçada da sua vontade. Com isso podemos inferir que até a mais pequena das criaturas que vivem sob o firmamento dos céus está sob o seu cuidado.

A confiança no cuidado de Deus deve ser segurança e refrigério, a certeza de que independente das presentes adversidades, Ele cuida dos seus e os sustenta. O exemplo dado por Deus a Jó, usando dos filhotes dos corvos, demonstra o cuidado de Deus com a criação, mesmo com criaturas que neste caso dependem da morte de outros seres.

Podemos portanto olhar para Romanos 8.28 “Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito” e ter refúgio na certeza do cuidado divino.

Oração


Senhor Deus, pequeno sou, mas tu é soberano sobre todas as coisas. Auxilia-me a confiar no teu poder e cuidado, criando em mim a certeza do seu amparo. Que possa viver os meus dias tranquilo e confiante em ti, tendo meu coração desanuviado das preocupações do presente. Em nome de Jesus, amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Mais
11 meses 2 semanas atrás #339 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 30/10/2019 a 06/11/2019

Em paz me deito e logo adormeço, porque só tu, ó SENHOR, me fazes viver seguro e sem medo.

Salmo 4.8


Apesar de ser o homem mais poderoso em Israel durante seu reinado de 40 anos, Davi depositou a sua confiança em Deus, e não na sua própria força. Ele dependia da justiça de Deus, acreditando que o Senhor faria a distinção entre os fiéis e os ímpios. Salmo 4, escrito por Davi e encaminhado ao mestre de canto em Jerusalém, é um excelente exemplo da certeza desse rei de que Deus julgaria retamente. Como muitos dos Salmos também trazem mensagens messiânicas, podemos ver nesse Salmo uma mensagem que prefigura as experiências de Jesus. Homens que buscavam mentiras rejeitaram Jesus, mas ele achou conforto e vindicação da parte do Pai.

A tranquilidade de Davi não dependia das suas circunstâncias. Mesmo se não tivesse nada, e ainda sendo perseguido pelos seus inimigos, ele conseguiu dormir em sossego. Davi entendeu o que nós precisamos crer: Deus é maior do que todos os problemas, provações e adversários que nos perturbam. Paulo ensinou a mesma coisa (Filipenses 4.6-7). A paz do Senhor nos guardará quando confiamos, de fato, em Deus.

Oração
Senhor, ainda que meu impulso natural seja viver inquieto com os problemas, ajuda-me a repousar em ti, depositando a minha confiança na sua providência. Auxilia-me a compreender que tu estás no controle de todas as coisas, controlando a ansiedade e a insegurança. Ajuda-me a ser dependente de ti, repousando na certeza do seu auxílio. Em nome de Jesus, amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Mais
11 meses 6 dias atrás - 11 meses 6 dias atrás #390 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 13/11/2019 a 20/11/2019
Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus; não farás nenhum trabalho, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o forasteiro das tuas portas para dentro.

Êxodo 20.9,10

Existem dois conceitos na passagem que consideraremos hoje. Primeiro: devemos notar que a ordem para descansar é precisamente um mandamento. Isto nos choca porque em nossa cultura, o descanso é algo que desfrutamos somente quando nada mais temos para fazer. Como esse dia nunca chega, raramente descansamos. É por isso que o Senhor não dá ao Seu povo a decisão sobre quando parar. Ele não nos consulta para saber se é isso que desejamos, nem tampouco pergunta se terminamos o nosso trabalho. Ele ordena claramente que descansemos.

Nisto, compreendemos como o nosso Pai celestial percebe a nossa tendência para abusarmos de tudo o que nos concedeu. Com a chegada da eletricidade e a possibilidade de se prolongar o dia indefinidamente, o homem se escraviza cada vez mais com o que faz. Deus, que conhece as nossas limitações, ordena o descanso para o bem da nossa saúde espiritual, emocional, física e mental.

Segundo, precisamos observar que o dia de descanso é “para o Senhor”. Aqui está um conceito que contradiz as nossas pressuposições culturais. Entendemos que o dia de repouso é primordialmente para nós mesmos. O mandamento original tinha, acima de tudo, um sentido espiritual. Era um dia separado para celebrar a bênção de pertencer ao povo de Deus, para agradecer as graças recebidas e para readequar a vida segundo os eternos parâmetros da Palavra.

O Senhor não pergunta se você precisa descansar. Ele ordena, quer você queira quer não. Talvez isso o ajude a compreender que o descanso é uma disciplina espiritual. Você o planeja como qualquer outra atividade em seu ministério e o incorpora no exercício espiritual que realiza diariamente para se manter em forma. Descansar não é perda de tempo. É remir o tempo com sabedoria para que possa ser mais frutífero para o reino.
Oração
Senhor, tu conheces as minhas limitações e a minha humanidade, ajuda-me a viver com sabedoria e a entender a tua vontade para mim. Auxilia-me a perceber a importância do descanso que tu ensinaste na tua palavra. Que a tua paz possa ser sempre o refrigério da minha alma. Em nome de Jesus, amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Last edit: 11 meses 6 dias atrás by Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa).

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Mais
10 meses 4 semanas atrás #404 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 20/11/2019 a 26/11/2019

"Tais são as veredas de todo aquele que se entrega à cobiça; ela tira a vida dos que a possuem."

Provérbios 1.19


Nessa era da informação, o conhecimento é abundante, mas a sabedoria é escassa. A sabedoria significa muito mais do que ter muito conhecimento. É uma atitude que afeta todos os aspectos da vida. A base do conhecimento é temer ao Senhor; honrá-lo, respeitá-lo, reverenciá-lo por seu grande poder e obedecer à sua Palavra. A fé em Deus deve ser nortear a compreensão que temos do mundo, nossas atitudes e nossas ações.

O pecado é atraente e costuma enganar com facilidade. porque parece oferecer um caminho rápido para a prosperidade e faz com que nos sintamos parte de uma multidão. Mas quando seguimos os outros e nos recusamos a dar ouvidos à verdade, nosso apetite se torna nosso mestre, e fazemos qualquer coisa para satisfazê-lo. O pecado, mesmo sondo atraente, é mortal. Devemos aprender a tomar decisões tendo como base não os apelos do prazer temporal, mas os efeitos em longo prazo Devemos evitar pessoas que querem nos atrair para atividades que sabemos ser erradas. Não podemos ser amigos do pecado e esperar que nossa vida não seja afetada.
Oração


"Deus, tu conheces a limitação do meu coração e as minhas fraquezas, sabes da minha inclinação para o mal. Auxilia-me a depender de te, a não amar nem me deixar consumir pelo desejo das coisas desta vida, para que não seja presa fácil ao pecado e a ganancia. Ajuda-me a ser prudente nos meus caminhos. Em nome de Jesus, amém."

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Mais
10 meses 3 semanas atrás #433 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 27/11 a 03/12


"Não retribuam a ninguém mal por mal. Procurem fazer o que é correto aos olhos de todos. Façam todo o possível para viver em paz com todos."


Romanos 12: 17-18


Já lhe trataram mal, sem que você fizesse algo por merecer? É complicado, mas diariamente somos testados por situações estressantes e desagradáveis que colocam à prova nossa paciência e domínio próprio. No trabalho, na escola, em casa ou na vizinhança, até na igreja! Quando menos esperamos somos ofendidos sem nada ter feito. Mas o que Deus nos aconselha em relação a isso? Qual a maneira correta de lidar com o mal que fazem conosco? Encontramos em diversas passagens bíblicas a resposta para essas questões, veja:

Rom. 12:21 - "Não se deixem vencer pelo mal, mas vençam o mal com o bem."
1ª Tessalonicenses 5:15 - "Tenham cuidado para que ninguém retribua o mal com o mal, mas sejam sempre bondosos uns para com os outros e para com todos."
Mt 5:38-39 -"Vocês ouviram o que foi dito: 'Olho por olho e dente por dente'. Mas eu digo: Não resistam ao perverso. Se alguém o ferir na face direita, ofereça-lhe também a outra."

Mt 5:44 - "Mas eu digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, (...)"

Esteja vigilante para não reagir mal aos ataques vindos de toda parte. Pois a nossa luta não é contra as pessoas.Temos um inimigo em comum que está em todo tempo tentando nos prejudicar. Perdoe, releve e siga em paz com todos!

Oração

Senhor Deus, ajuda-me a não revidar o mal que os outros me fazem. Pai, ensina-me a ter um coração compassivo e perdoador, assim como Tu. Perdoa-me quando reajo mal àqueles que me atacam e ofendem sem sentido. Ajuda-me a obedecer a Tua Palavra, amando e orando até mesmo por quem me persegue. Dá-me serenidade e sabedoria para viver em paz com todos à minha volta, em nome de Jesus! Amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Mais
10 meses 2 semanas atrás #450 por Henry Mompean Orleans-Grimaldi (jonfonpa)
Devocional 04/12 a 10/12


"Pedi, e vos será concedido; buscai, e encontrareis; batei, e a porta será aberta para vós. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e a quem bate, se lhe abrirá."


Mateus 7.7-8


No sermão do monte Jesus pregava para a multidão, e neste momento da mensagem suas palavras são de esperança, demonstrando como Ele é fiel. Através da oração pedimos e com fé recebemos, a resposta vem de Deus. Se estiver difícil, ore, chore, derrame-se diante do Senhor, insista, persista, pois todo aquele que pede, recebe. Deus tem prazer em nos abençoar.

Oração

Pai de amor, e bondoso Deus, só mesmo Jesus para trazer à nos palavras como estas, que nos renovam a esperança, que nos faz perseverar, seguir adiante, levantar nossa cabeça, e fixar os olhos na vitória, na resposta que vem do Senhor. Às vezes buscamos em muitos lugares, usamos nossas forças para fazer as coisas do nosso jeito, e não encontramos nada. Mas obrigado porque todas as vezes que buscamos em Ti, e entregamos tudo ao Senhor, podemos descansar e esperar até que a porta seja aberta. Em nome de Jesus. Amém.

Henry Mompean D’Orléans et Valois
Duque Consorte de Gandia
Príncipe da França
Duque de Soissons
Conde de Mompean
Barão de Lille

Administrador Geral da Região de Navarra

Embaixador Francês
Comandante da Guarda Real Francesa
Vice-Chanceler
Senador Real
Prefeito de Lille

Chanceler Oficial da Ordem da Mão de Ferro
Cavaleiro da S. Ordem Imperador Carlos Magno – S.O.I.C.M.
Medalha do Mérito da S. O. Militar Joana D´Arq – S.O.M.J.A.


Súdito da Coroa Francesa

Por favor Acessar ou Registrar para participar da conversa.

Tempo para a criação da página:0.306 segundos
Não somos membros de qualquer nação real ou movimento separatista.
Este WEB Site destina-se única e exclusivamente aos praticantes do hobbie chamado micronacionalismo.
Todos os direitos de imagem e nome reservados a nação italiana real.